sexta-feira, julho 08, 2011

Apresentação dos Seniores do Grap/Pousos - Temporada 2011/2012

11 inicial do Grap/Pousos no jogo da 1ªJornada (Grap/Pousos 1 - AD Figueiró Vinhos 0) - Foto Leirafoot

GRUPO RECREATIVO AMIGOS DA PAZ - POUSOS
-----
Campo da Charneca dos Pousos (Relvado Sintético)
-----
Fundado em 1940
-----
PLANTEL 2011-2012
Guarda-Redes : Domingos
Defesas : Pedro Solá, , Tony, Marco Roda, Armando
Médios : Rachida, Eurico, José Parreira,
Avançados : Ricardo Ferraz, Igor, Neves, Diogo Mehnana (ex-UD Leiria Juniores), Filipe Capão
Adjunto :
Dirigentes :
Presidente : Carlos
-----
Histórico
2006-2007 : 15ºClassificado na Divisão de Honra - 24 Pontos - Descida a 1ªDistrital
2007-2008 : 4ºClassificado na 1ªDistrital/Sul com 63 Pontos. Subiram á Divisão de Honra SCR Gaeirense e SDR Pilado e Escoura
2008-2009 : 3ºClassificado na 1ªDistrital/Sul com 62 Pontos. Subiram á Divisão de Honra GD Valcovense e CDR Outeirense
2011-2012 :
-----
Plantéis
Plantel 2006-2007
Plantel 2007-2008
Plantel 2009-2010
Plantel 2010-2011
Plantel 2011-2012
------
Mais referências a Grap/Pousos , aqui !!
-----
Sabes mais sobre esta equipa ou tens fotos da mesma? Envia-nos para fdleiria@hotmail.com e ajuda-nos a ter este espaço cada vez mais completo.

5 comentários:

  1. Jogo disputado no Parque Desportivo de Alqueidão da Serra.
    Assistência: cerca de 200 pessoas.
    Árbitro: João Mendes (AF Leiria).
    Árbitros assistentes: Marco Silva e Richard Costa.


    CCR Alqueidão da Serra - 3
    Treinador: António Plim.
    Manique; Paulo Correia, Mário Wilson, João Lomba e Luís Correia; Sousa; Ricardo Silva, Hugo Carvalho (cap. – Alexandre, 88) e César (Capucho, 77); Jackson (Fábio Costa, 85) e Miguel Carvalho.
    Jogadores não utilizados: Pedro Nunes, André Gonçalves, Norberto e Plim.


    GRAP/Pousos - 0
    Treinador: Pedro Solá.
    Domingos; Steve, Raixida, Fábio Martins e Toni; Marco, Nuno Assis (Daniel Cardoso, 61); Joel e Pedro Neves (Mehnana, 77); Eurico (cap.- Parreira, 55) e Ferraz
    Jogadores não utilizados: Bruno, Capão, Pirica e Armando.


    Ao intervalo: 0-0.
    Golos: 1-0, por Miguel Carvalho, aos 48 minutos; 2-0, por Ricardo Silva, aos 63 minutos; 3-0, por Hugo Carvalho, aos 71 minutos (g.p.).
    Acção disciplinar: cartão amarelo a Steve (62), Sousa (69), Domingos (70), Ferraz (85), Joel (89) e Raixida (90+2).


    Duas equipas que ocupam lugares cimeiros da classificação, desde o minuto inicial que mostraram vontade de vencer. O GRAP/Pousos começou por jogar ‘olhos nos olhos’ com o líder e o capitão Eurico a mostrar-se um quebra cabeças para a defensiva local. Aos 15 minutos num livre directo Fábio Martins procurou bater Manique mas a bola passou por cima da barra.
    Na resposta os donos do terreno responderam com dois cantos e um remate de longe de Sousa que procurou surpreender Domingos. A ocasião mais perigoso aconteceu aos 32 minutos com uma boa jogada delineada pelo flanco esquerdo com João Lomba a rematar com perigo mas Domingos defendeu com grande segurança.
    No segundo tempo o Alqueidão entrou a todo o gás e aos 48 minutos Miguel solicitado por César inaugurou o marcador, no seguimento da perca de bola a meio-campo pelos visitantes.
    O GRAP tentou reagir mas a coesa defensiva da casa não deixou os avançados visitantes criarem perigo.
    Aos 52 minutos Domingos realizou excelente defesa a remate potente do capitão Hugo Carvalho e aos 63 minutos Ricardo Silva novamente a passe de César ‘fuzilou’ Domingos e fez o 2-0.
    O Alqueidão era uma equipa ‘mandona’ e Manique era um guarda-redes tranquilo. Hugo Carvalho sentenciou o jogo ao marcar de castigo máximo, indiscutível, o terceiro golo e o GRAP/Pousos só aos 76 minutos teve o primeiro remate frouxo à baliza de Manique, afinal o único na etapa complementar da partida.
    Arbitragem em bom plano.


    Tuna Caranguejeiro - Diário de Leiria

    ResponderEliminar
  2. Jogo da 22ªJornada da Divisão de Honra da AF LeiriaCampo da Charneca, nos PousosÁrbitro : Quintino Ribeiro, auxiliado por Tiago Vala (peão) e Ricardo Paço (bancada)

    Grap/Pousos 2 : Domingos, Armando, Tuga, Marco Roda (Assis, aos 57 min.), Tony, Rachida, Fábio Martins, Joel, Eurico (Cap.) (Filipe Capão, aos 65 min.), Mehnana (Neves, aos 57 min.), Ricardo Ferraz
    Suplentes não utilizados : Bruno, Daniel, Pirika, José Parreira
    Treinador : Pedro Solá
    Delegado : Vítor
    Massagista : Sónia Silva
    .

    SCL Marrazes 0 : Stefano, Tiago Clemente, João Luís (Cap.), Tiago Gonçalves, Francisco, Luís Lopes (Samuel, aos 45 min.), Videira, Pedro Li, Cristiano, Figo (Teles, aos 60 min.) e Pina (Rúben Ramos, aos 70 min.)
    Suplentes não utilizados : Make, Cris, Pascoal e Lucas
    Treinador : Rui Bandeira
    Adjunto : Arnaldo
    Delegados : Mário Rui
    .

    Marcadores : 1-0 Ricardo Ferraz (aos 6 min.), 2-0 Eurico (aos 29 min.)
    .

    Acção Disciplinar : Amarelo a Figo (aos 15 min.), Francisco (aos 21 min.), Pedro Li (aos 37 min.), Toni (aos 90 min.), Rachida (90 min. + 3). Vermelho direto a Samuel (aos 80 min.). Rui Bandeira foi expulso do banco de suplentes aos 83 min.





    Numa tarde de muito sol, e com as bancadas muito bem compostas, as equipas do Grap/Pousos e do SCL Marrazes, defrontaram-se em mais uma jornada da Divisão de Honra da AF Leiria.
    A partida começou bastante movimentada e logo no primeiro minuto de jogo, jogada rápida do SCL Marrazes, e Pina, em boa posição, a rematar para defesa de Domingos para canto. Praticamente na resposta, aos 6 min., jogada na esquerda do Grap, centro rasteiro para a área, a defesa do SCL Marrazes a aliviar mal, e o experiente Ferraz, sempre oportuno, a inaugurar o marcador para o Grap.
    Com o golo sofrido, praticamente no primeiro ataque do Grap, o SCL Marrazes procurou ir em busca do empate, e aos 19 min., Cristiano tem um bom lance na esquerda, obrigando Domingos a defesa apertada para canto.
    Assistia-se a um bom jogo de futebol, com as equipas a procurarem o passe curto, e a tentarem evitar as perdas de bola.
    Até que aos 29 min., Eurico é desmarcado na zona central, consegue ganhar vantagem sobre os defesas, e á saída de Stefano, faz sem dificuldade o 2-0 para a equipa do Grap.
    Maior eficácia, certamente não se podia pedir, e o Grap nas duas únicas oportunidades de golo, a marcar dois golos.
    O SCL Marrazes procurava responder, com boas trocas de bola no seu meio-campo defensivo, mas depois tinha algumas dificuldades em ganhar vantagem para as suas transições ofensivas. Chegávamos assim ao intervalo, com o Grap em vantagem por 2-0, no que era para a altura, um resultado exagerado tendo em conta o que se tinha passado nos primeiros 45 minutos.
    A 2ªparte iniciou-se na mesma toada, boas trocas de bolas a meio-campo, mas com nenhuma das equipas a conseguir superiorizar-se em relação a outra. Mas paulatinamente o Grap foi crescendo, e com uma defesa bastante consistente, conseguia anular os tímidos ataques da equipa do SCL Marrazes e lançava cada vez mais frequentes contra-ataques perigosíssimos, principalmente depois da entrada de Neves, que veio dar ainda mais velocidade ao ataque da equipa de Pedro Solá. Assim, e com um SCL Marrazes cada vez mais descrente na reviravolta, o Grap vai ter algumas ocasiões claras de golos, com Joel, aos 70 min., e Capão, ao 78 min., a terem falhanços incríveis, quando parecia que o mais fácil era mesmo marcar o golo.

    ResponderEliminar
  3. E se as coisas já não estavam famosas para o SCL Marrazes, aos 80 min. pioraram, quando Samuel é expulso com vermelho direto, num lance muito contestado pela estrutura do SCL Marrazes, que pretendia igual sanção para o jogador do Grap. No meio de alguns protestos, também o técnico da equipa do SCL Marrazes, acaba expulso do banco de suplentes.
    Com o jogo a caminhar para o seu final, o Grap vai ainda ter mais duas ocasiões flagrantes de golo, mas mais uma vez, Filipe Capão a não conseguir fazer o que parecia ser o mais fácil.
    Já mesmo em cima da hora, aos 90+4, o SCL Marrazes vai ter a sua melhor oportunidade de golo em todo o jogo, num excelente remate de longe de Cristiano, para uma boa defesa de Domingos. No minuto seguinte, terminava a partida.
    Resultado justo da equipa do Grap, que se na primeira parte era algo exagerado, face ao que fizeram as duas equipas, na segunda é justíssimo e talvez peque até um pouco por escasso, dadas as ocasiões de golo claro desperdiçadas pela equipa de Pedro Solá.
    A arbitragem de Quintino Ribeiro, foi regular e sem influência no resultado. Sem grandes casos a nível técnico, havendo apenas a dúvida a nível disciplinar no caso já referido em que Samuel acabou expulso, e que dá ideia que também o atleta do Grap deveria sofrer a mesma sanção.
    ----

    A opinião dos treinadores :Pedro Solá (Grap/Pousos) : Dominámos o jogo, e o resultado é justo e escasso face ao nosso domínio e pelas oportunidades de golo que tivemos, principalmente na segunda parte. Agora há que continuar a trabalhar como até aqui, e jogar jogo a jogo.
    Rui Bandeira (SCL Marrazes) : Acaba por ser um resultado justo, uma vez que o Grap/Pousos aproveitou as nossas falhas na 1ªparte. O Grap está de parabéns e nós vamos continuar o nosso trabalho.

    ResponderEliminar
  4. Jogo da 28ªJornada da Divisão de Honra da AF LeiriaCampo da Charneca, nos PousosÁrbitro: Jorge Faustino, auxiliado por Rui Freira (Bancada) e José Mira (Peão).
    Grap/Pousos 1 : Domingos, Armando, Tuga (André Martins, aos 68 min.), Fábio Martins, Tony, Rachida, Marco Roda, Joel, Eurico (Cap.), Assis (Neves, aos 59 min.), Ricardo Ferraz
    Suplentes não utilizados : Xaxa, Pirika, Daniel Cardoso, Filipe Capão e Diogo Mehnana
    Treinador : Pedro Solá
    Delegado : Vítor
    Massagista : Sónia Silva
    .
    CCR Alqueidao da Serra 1 : Pedro Nunes, Paulo Correia, Rui Plim, Mário Wilson, Luís Correia (Sousa, aos 52 min.), Lomba, Hugo Carvalho (Cap.), Ricardo Silva (Fábio, aos 82 min.), César Sousa (Capucho, aos 71 min.), Miguel Brites e Norberto
    Suplentes não utilizados : Maniche, Capucho, Alexandre
    Treinador : Plim
    Adjunto : Spala
    Delegados : Hélder Carvalho
    .
    Marcadores : 0-1 Norberto (aos 48 min.), 1-1 Fábio Martins g.p (aos 70 min.)
    Acção Disciplinar : Amarelo a Fábio Martins (aos 45 min.), Mário Wilson (aos 70 min.), Rui Plim (aos 76 min.), Eurico (aos 85 min. e 85 min.). Vermelho por acumulação a Eurico (Aos 85 min.) e vermelho directo no banco de suplentes a Assis (aos 63 min.), Tuga (aos 88 min.)
    .
    Numa tarde de muito sol, e com as bancadas muito bem compostas, as equipas do Grap/Pousos e do CCR Alqueidão da Serra, defrontaram-se em mais uma jornada da Divisão de Honra da AF Leiria.
    A partida começou bastante movimentada e logo aos 2 minutos o Grap vai estar muito perto de inaugurar o marcador. Bom passe de Ferraz a desmarcar Eurico, e este em muito boa posição, a permitir uma boa defesa a Pedro Nunes. Aos 13 min., mais um bom lance para o Grap, centro da esquerda, e Ricardo Ferraz oportuno a cabecear com muito perigo, com a bola a passar ligeiramente por cima da baliza defendida por Pedro Nunes. O Grap era a equipa mais perigosa em campo, procurando o jogo direto para a velocidade de Joel e Eurico, criando muito perigo a um CCR Alqueidão da Serra, que parecia algo surpreendido com o bom inicio de jogo dos comandados por Pedro Solá. Aos 22 min., mais um bom lance para o Grap, com Joel a ser lançado em velocidade e quase a conseguir dominar a bola, quando estava em excelente posição. Perante o domínio do Grap, o CCR Alqueidão procurava circular a bola, privilegiando a sua posse, mas sem nunca conseguir criar perigo. Aos 40 min., mais um lance muito perigoso para a baliza do Alqueidão da Serra, com Eurico a ganhar em velocidade na linha, a centrar para Ricardo Ferraz, mas Mário Wilson a ter um corte magistral e a evitar o golo inaugural. Chegava-se ao intervalo com um resultado de 0-0, bastante penalizador para o domínio da equipa do Grap.

    ResponderEliminar
  5. A 2ªparte começa praticamente com o golo do Alqueidão da Serra. A defesa do Grap bastante passiva a aliviar a bola, acaba por a perder em zona proibida, e num lance simples e eficaz, o Alqueidão da Serra chega ao 0-1 através de Norberto, naquele que era até ao momento o seu único lance de perigo. Eficácia máxima. A perder por 0-1, o Grap procurou ir em busca do prejuízo, mas vai ser o Alqueidão, que aos 52 min., vai estar perto do 0-2, num livre perigoso de Hugo Carvalho, para boa defesa de Domingos. Na resposta, Fábio Martins na execução de um livre na direita, de um ângulo apertado, a levar algum perigo a baliza de Pedro Nunes. Aos 67 min., é a vez de Ferraz causar muito perigo, após uma serie de ressaltos na área do Alqueidão, Ferraz a não conseguir finalizar. Até que aos 70 min., e depois de um lance algo confuso na área do Alqueidão Jorge Faustino considera que Mário Wilson toca voluntariamente com a mão na bola, e marca grande penalidade, que Fábio Martins concretiza no 1-1 para a equipa do Grap. Restabelecido o empate, o Grap continuou a apertar na tentativa de chegar ao golo da vitória, e aos 81 min., Eurico tem uma boa oportunidade de golo, mas o guarda-redes da equipa do Alqueidão, Pedro Nunes, esteve bem, e antecipou-se ao atacante do Grap. Até que aos 85 min, se dá o caso do jogo. Eurico, rápido a intrometer-se numa hesitação entre Rui Plim e o guarda-redes Pedro Nunes, a conseguir ganhar a bola, e a fazer o golo para o Grap. Golo que foi prontamente anulado por Jorge Faustino, que considerou que Eurico terá beneficiado de uma distração por forma verbal ao adversário, o que é uma infração anti-desportiva. Na sequência do lance, Eurico acabou expulso por duplo amarelo consecutivo, o 1º pela infração descrita e o 2º em consequência de no seu festejo do golo, ter pontapeado a bandeirola de canto. Com o jogo quase a terminar, tempo ainda para Portugal ser expulso do banco de suplentes, onde se encontrava após ter sido substituído, por alegadas palavras, isto, já depois de também Assis, ter sido expulso aos 63 min., da mesma maneira.
    Empate que penaliza a equipa do Grap, que foi superior em todos os aspectos neste jogo, com uma velocidade e irreverência que pareceu ter surpreendido o Alqueidão e onde é penalizada pelo erro infantil que originou o golo que sofreu, perante um Alqueidão que pareceu uma equipa cansada, mas que teve o mérito de marcar um golo na única ocasião de verdadeiro perigo que dispôs.
    Quanto a arbitragem de Jorge Faustino e seus auxiliares, algo contestada pelos homens da casa, foi tranquila no geral, havendo apenas dúvidas nos lances das expulsões e da anulação do golo ao Grap, mas em ambos os lances, foram questões verbais na origem das sanções, pelo que nos é impossível aferir a razão ou não do árbitro. Fica pois o beneficio da dúvida.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...