quinta-feira, março 13, 2014

Apresentação dos Seniores do ID Vieirense - Temporada 2013/2014


INDUSTRIAL DESPORTIVO VIEIRENSE
------
Fundado em 1946
-----
Campo Albano Tomé Féteira (Relvado Sintético)
---
PLANTEL 2013-2014
Guarda-Redes : Emanuel (ex-CD Pataiense), Alain Marques
Defesas : César Índio (ex-AC Marinhense), Luís Féteira (ex-AC Marinhense), Fred Machado, 
Médios : Milton, Bruno Ferreira, Gata, André Cruz, Luís Tiui, Júlio Gomes, pedro Maia, Miguel Maia, Sérgio Letra, Diogo Botas, Rafael Crespo, João Leal (ex-AR Meirinhas)
Avançados : Dady Valente, Miguel Ângelo, Ricardo Neto
Treinador : Bruno Ramusga.
Adjunto : Mário Leal.
Dirigentes : Lourenço Farto, Diogo Sapateiro
Presidente : Nuno Simões
-----
Histórico
2003-2004 : 2ºClassificado na Divisão de Honra da AF Leiria, subida á 3ªDivisão Nacional, Série D
2004-2005 : 3ªNacional / Série D. Descida á Divisão de Honra da AF Leiria.
2005-2006 : Divisão de Honra da AF Leiria. Descida á 1ªDistrital.
2006-2007 : 3ºClassificado na 1ªDistrital/Sul , com 61 Pontos - Subida á Divisão de Honra
2007-2008 : 7ºClassificado na Divisão de Honra , com 39 Pontos

2008-2009 :14ºClassificado na Divisão de Honra Da AF Leiria, com 29 Pontos. Descida á 1ªDistrital.
2009-2010 : 5ºClassificado na 1ªDistrital Sul com 59 Pontos.
2010-2011 : 2ºClassificado na 1ªDistrital/Sul com 61 Pontos. Subida a Divisão de Honra da AF Leiria.

2013-2014 :
-----

Plantéis

2008-2009
2009-2010
2010-2011
2011-2012
-----
Podes ver mais sobre esta equipa , Aqui !!!
-----
Sabes mais sobre esta equipa? Então ajuda-nos a ter um blogue cada vez mais completo, envia-nos todo o tipo de informações para
fdleiria@hotmail.com

7 comentários:

  1. A Associação Desportiva de Figueiró dos Vinhos perdeu por 2-0 diante do ID Vieirense, numa partida em que a figura foi André Cruz que apontou os dois golos do encontro.
    João Almeida apresentou para esta partida um sistema 4-2-3-1, enquanto Bruno Ramusga um 4-3-3. O encontro não teve muitos motivos de interesse, dado que não se registaram muitas oportunidades de golo, contudo o Vieirense acabou por justificar a vitória.
    O Figueiró dos Vinhos poderia ter inaugurado o marcado ao minuto 18, mas Flexas rematou à barra, após um erro do guarda-redes Emanuel. O Vieirense reagiu e chegou à vantagem no marcador por André Cruz. Ainda antes do intervalo surgiu o 2-0 na transformação de uma grande penalidade convertida por André Cruz (na foto). Deste lance resultou a expulsão de Flexas.
    No início do segundo tempo o técnico João Almeida lançou Roberto, mas sem grandes efeitos práticos, dado que o Vieirense apesar de não ter feito uma grande exibição teve sempre o controlo do jogo. Na parte final o clube da Vieira de Leiria poderia ter aumentado a vantagem, mas Didi defendeu bem. Os visitantes jogaram a parte final do encontro com dez, devido à expulsão de Júlio por acumulação de amarelos.
    Arbitragem regular de Nuno Cadete.

    ResponderEliminar
  2. 4ªJornada da Divisão de Honra 2013-2014

    Estádio Tomé Albano Féteira, em Vieira de Leiria.

    Árbitro: Bruno Santos. Auxiliares: Bruno Nicolau e Tiago Vicente.
    Espectadores: 200.

    .

    ID Vieirense 1
    Emanuel Carriço, Frederico Machado, César índio, Bruno Ferreira, Luís Féteira, André Cruz (Milton, 75 min.), Sérgio Letra, Ricardo Faustino, Miguel Almeida, Ricardo Neto (Júlio Gomes, 84 min.), Luís Gomes (Diogo Botas, 45 min.).

    Não jogaram: Alain Marques, Miguel Maia.
    Treinador: Bruno Ramusga.
    .
    GRAP 0
    Mocheco, Tiago Clemente, Ricardo Pontes, Fábio Martins, Edgar Fernandes (Luisito, 66 min.), Joel Santos (João Paz, 80 min.), Bruno Ilídio, Faustino, Pedro Neves (Nuno Colaço, 80 min.), Ricardo Brás, Ricardo Ferraz.

    Não jogaram: Ângelo, Oliveira, Pedro Lee, Pedro Torres.

    Treinador: Pedro Solá.

    .

    Ao intervalo: 0-0.
    Golos: 1-0 Frederico Machado (61 min.).
    Acção Disciplinar: Amarelo a Edgar Fernandes (36 min.), Mocheco (59 min.), Fábio Martins (61 min.), Bruno Ferreira (aos 65 min.), Ângelo (84 min.), Ricardo Ferraz (90 min.), Milton (90+ 1 min.), Diogo Botas (90+ 3 min.).
    .
    Em mais um jogo da Divisão de Honra da AF Leiria, a equipa do Vieirense recebeu no Estádio Tome Albano Féteira a equipa do GRAP.
    O jogo começou bastante movimentado e logo aos 5 minutos, a bola a sobrou para Gata, que dentro da área cabeceou com algum perigo por cima da baliza. Na resposta a, é o GRAP que vai estar muito perto do golo. Pedro Neves marca um canto na esquerda, com a bola a chegar a Ricardo Pontes, que no interior da pequena área e já em desequilíbrio, remata para golo, com um defesa da equipa do Vieirense a conseguir cortar o lance já em cima da linha de golo.
    O GRAP gradualmente foi tomando conta do jogo, com boas trocas de bola a meio-campo, mas mostrava sempre pouca objectividade no seu ataque, que era facilmente anulado pela defesa do Vieirense. Nesta fase, os comandados de Bruno Ramusga optavam mais pelo jogo directo e em tentar aproveitar algum balanceamento dos homens do GRAP para o seu ataque. Com o jogo a encaminhar-se para o intervalo, o GRAP vai dispor de três boas ocasiões de golo. Primeiro, aos 40 min., é Joel que a passe de Faustino desvia perigosamente para golo, mas a bola a embater no poste esquerdo da baliza de Emanuel. Depois, é Fábio Martins que desvia a bola para golo, após um canto de Pedro Neves, mas mais uma vez a aparecer um defesa do Vieirense a impedir o golo. E já em cima dos 45 minutos Tiago Clemente tem um perigoso remate, com Emanuel a controlar a trajectória da bola para fora.
    A segunda parte começou na mesma toada, com o jogo bastante equilibrado. Aos 53 min., André Cruz aparece em boa posição, mas remata para fora.
    Na resposta, aos 56 min., bola lançada para a área, e Fábio Martins a antecipar-se a toda a gente e a desviar de Emanuel, mas a bola caprichosamente a não entrar. Estava o jogo nesta toada, quando, aos 61 min., Mocheco trava em falta Miguel, quando este progredia perigosamente para a sua baliza. Livre directo a favorecer o Vieirense, e na marcação do mesmo, Fred Machado a fazer o 1-0.
    Em desvantagem no marcador e num jogo em que não estava a ser inferior, o GRAP procurou pressionar ainda mais, mas revelava sempre pouca objectividade na zona de decisão. Com o jogo a encaminhar-se para o final, Pedro Solá arriscou ainda mais e lançou em campo Nuno Colaço e João Paz, mas vai ser Ricardo Ferraz que vai dispor da melhor ocasião, aos 83 min., mas quando estava em posição privilegiada tem uma recepção defeituosa e desperdiça assim um lance de perigo. E já com o GRAP totalmente balanceado para o seu ataque, Miguel, vai aos 90+3 min., desperdiçar uma soberana ocasião de golo. Após uma oferta de Fábio Martins, aparece isolado na cara de Mocheco, mas permite a intercepção do lance. Mérito para Mocheco.

    ResponderEliminar
  3. Num jogo bastante equilibrado, a vitória premeia a equipa do Vieirense, que teve o mérito de ser paciente, nunca arriscou em demasia, e soube esperar pelo momento certo para decidir o jogo. Quanto à equipa do GRAP, é bastante jovem, com boas troca de bola na zona intermédia, mas que revela uma enorme falta de objectividade na zona de decisão, o que em parte explica que em quatro jogos apenas tenha marcado três golos.
    Quanto à arbitragem de Bruno Santos e seus pares, num jogo que teve alguns lances difíceis de ajuizar, no plano técnico esteve globalmente bem, já no plano disciplinar, acumulou alguns erros, ainda que em prejuízo das duas equipas.

    ResponderEliminar
  4. 6ªJornada da Divisão de Honra 2013-2013

    Estádio Tomé Albano Féteira, em Vieira de Leiria
    Árbitro: Paulo Ferrás.

    Auxiliares: Gonçalo Carreira e Gonçalo Fino.

    Espectadores: 200.

    .

    ID Vieirense 2
    Emanuel Carriço, Frederico Machado, César índio, Bruno Ferreira, Júlio Gomes, André Cruz, Letra, Gata (Cap.), Dady Valente (Diogo Botas, 47 min.) (João Pedro, 70 min.), Ricardo Neto (Milton, 56 min.), Miguel.

    Não jogaram: Alain Marques, Miguel Maia, Luís Tiui.
    Treinador: Bruno Ramusga.
    .
    SCL Marrazes 0
    Marcelo, Renilson, Pedro Órfão (Cap.), Júnior, Miranda (Ednilson, 69 min.), Pedro Mirre, Yago, Paulo Santos (João Vítor, 83 min.), Neto (Eusébio, 45 min.), Nélson Pereira, Paulo.

    Não jogaram: Carlos, Cláudio, Leonardo, Frade.
    Treinador: Rui Bandeira.
    .

    Ao intervalo: 1-0. Golos: 1-0 Gata (8 min.), André Cruz (90+2 min.).
    Acção Disciplinar: Amarelo a André Cruz (11 min.), Pedro Mirre (19 min.), Paulo (22 min.), Letra (24 min.), César Índio (51 min.), Bruno Ferreira (65 min. e 74 min.), Gata (87 min.), Renilson (90+1 min.), Fred (90+3 min.). Vermelho por acumulação de amarelos a Bruno Ferreira (74 min.). Mário Leal e Diogo Sapateiro foram expulsos do banco de suplentes.
    .
    Em mais um jogo da Divisão de Honra da AF Leiria, a equipa do Vieirense recebeu e venceu a equipa do SCL Marrazes por 2-0.
    E melhor início de jogo não se podia pedir. Logo aos oito minutos, bola cruzada para a área do Marrazes, e depois de uma série de ressaltos, a bola a chegar a Gata, que, com toda a calma do mundo, cabeceia cruzado e inaugura o marcador. A resposta do Marrazes não demorou, com Júnior a ganhar a linha na esquerda, a cruzar, e Nélson Pereira no interior da pequena área, remata com muito perigo para a baliza de Emanuel.
    O jogo estava interessante, com bastante luta a meio campo e com a bola a chegar com facilidade junto das duas balizas. Aos 24 min., é novamente Gata a criar perigo, e num pontapé acrobático, permite uma defesa segura a Marcelo. O Marrazes procurava anular a desvantagem, tinha bola, mas revelava insuficiências a nível do último passe e regra geral a defesa do Vieirense conseguia anular com facilidade os seus ataques.
    A segunda parte começou na mesma toada, e, logo aos 54 min., o Marrazes deixou o primeiro aviso. Grande jogada de Yago na esquerda, a passar por vários jogadores, e a rematar na passada, para defesa apertada de Emanuel. Com o passar dos minutos, a equipa do Vieirense foi tomando uma atitude mais cautelosa, procurando arriscar menos, de forma a preservar a vantagem de que dispunha. O jogo foi perdendo velocidade, devido a sucessivas paragens. Ainda assim, aos 78 min., Paulo dispõe de uma excelente ocasião de golo, mas na cara de Emanuel desperdiça e remata para fora. Na resposta, ataque rápido do Vieirense, bola cruzada para a área, André Cruz a não chegar, mas a aparecer Milton nas suas costas e a obrigar Marcelo a uma grande defesa para canto. Na marcação do mesmo, Miguel falha escandalosamente o golo, quase em cima da linha de golo. Com o Vieirense já reduzido a dez elementos, por expulsão de Bruno Ferreira, que viu dois amarelos em nove minutos, o Marrazes continuou a pressionar, mas o melhor que conseguiu foi um cabeceamento de Pedro Órfão com algum perigo após canto de Yago. E vai ser já no tempo de compensação, aos 90+2 min., que o Vieirense vai ampliar a vantagem e definir o resultado final. Penalty a castigar derrube de Renilson, e André Cruz a fazer o 2-0 final.
    Quanto à arbitragem de Paulo Ferrás e seus pares, não teve um jogo fácil, e apesar da muita contestação da parte dos homens do Vieirense, parece-nos que no global teve uma actuação positiva.

    ResponderEliminar
  5. ID Vieirense 1
    Emanuel, Fred, César Indio, Pedro Maia, Júlio Gomes, Sérgio Letra, Gata (cap.), Bruno Ferreira (Miguel Maia, 84min.), Miguel, André Cruz (Tiui, 90+2 min.), Dady (Ricardo Neto, 75min.).

    Não jogaram: Alain, Milton, Rafael Crespo e, J.P.
    Treinador: Bruno Ramusga.
    .
    AC Marinhense 0
    Pedro Duarte (cap.), Figueiredo, Ricardo Santos, Nando, Moita, Timmy (Vitinho, 35min.), Jony, João Portugal, Ari (Marco Azenha, 84min.), Héber (Sandro, 84min), Amaro.

    Não jogaram: Pascoal, Rui, Pascoal II e,David Nascimento. Treinador: Joaquim Silva.
    .

    Ao intervalo: 1-0. Golos: André Cruz (29 min., g.p.).
    Acção Disciplinar: Amarelo a Moita (43 min.), Ari (65 min.), Gata (70 min.) e, Miguel (75 min.). Vermelho a Figueiredo (29 min.).
    .
    As equipas, que entraram em campo separadas por quatro pontos na tabela classificativa, proporcionaram um jogo pobre e de fraco nível técnico. A equipa da casa desde cedo tomou as rédeas do jogo, embora a primeira grande oportunidade apenas tenha surgido ao minuto 27, quando Miguel, sobre a direita, rematou com perigo mas por cima da baliza.
    Na jogada seguinte, o mesmo jogador isola-se e é rasteirado por trás já dentro da área, com o árbitro da partida a não ter dúvidas a apontar para a marca dos 11 metros. Chamado a converter a grande penalidade, André Cruz não perdoou e fez assim o tento solitário da partida.
    A jogar com mais um jogador, a equipa de Bruno Ramusga, apesar das boas trocas de bola, ia desperdiçando oportunidades de golo por alguma displicência dos seus atacantes.
    A diferença de uma bola ajustava-se ao que se passou na primeira metade.
    No reatamento, a toada manteve-se, com domínio da equipa da casa, embora com um futebol lento e previsível, não conseguindo criar desequilíbrios no último reduto adversário. Os forasteiros mantinham-se organizados na defensiva, bem comandados por Nando, contando ainda com um seguríssimo Pedro Duarte.
    Foi preciso esperar 20 minutos para ver Gata, o capitão da equipa da casa, dar uma sapatada na monotonia, proporcionando a defesa da tarde ao guarda-redes vidreiro.
    Com o decorrer do tempo, os visitantes começaram a acreditar que poderiam levar um ponto no campo do seu rival, foram crescendo no jogo e já perto do final da partida, num rápido contra-ataque, Amaro quase chegava ao empate com um remate cruzado. Já nos descontos, com dois cantos consecutivos, mantiveram a incerteza no resultado até ao final.
    Resultado justo. O Marinhense fez pela vida quando se viu reduzido a 10 homens. Esperava-se mais da equipa visitada.
    Boa arbitragem num jogo correcto.

    ResponderEliminar
  6. Boa equipa. Muito melhor que na época passada, com muito mais soluções. Acho que temos obrigação de fazer um campeonato tranquilo esta época. É altura é de ver a formação, cada vez estamos pior, até o Monte Real já nos ganha

    ResponderEliminar
  7. Falta um ponta de lança de topo para puder lutar pelos 5 primeiros lugares. Miguel é muito esforçado, trabalha muito, mas não tem a qualidade que seri necessária.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...