sábado, outubro 05, 2013

Apresentação dos Seniores da APSDRC Moita do Boi - Temporada 2013/2014

 APSDRC Moita do Boi
 -----

Plantel 2013-2014
Guarda-Redes :
Defesas :
Médios :
Avançados :
Treinador :
Adjunto :
Presidente :
----
Histórico:
2006-2007: 10ºClassificado na 1ªDistrital/Norte com 40 Pontos
2007-2008: 4ºClassificado na 1ªDistrital/Norte com 58 Pontos
2008-2009: 10ºClassificado na 1ªDistrital/Norte com 36 Pontos
2011-2012 :  
2012-2013 : 1ºClassificado na 1ªDistrital/Norte. Subida á Divisão de Honra.
2013-2014 :
----
Plantel :
Plantel 2012-2013
Plantel 2013-2014
-----
Mais sobre este clube ,
Aqui !!!

3 comentários:

  1. .

    GD Peniche 3
    Sérgio Nobre, Edgar Jesus, Paulo César, Abel, Edilson (cap.) (Paulo Bernardino, 45 min.), Ruben Sancheira, Tiago Ferreira, Marinho (Morgado, 58 min.), Fábio Mateus, Motinha (Luisinho, 62 min.) e Bruno Francisco.

    Não jogaram: Ruben, Edgar Grincho, Paulinho e João Silva.
    Treinador: Vasco Oliveira.
    .
    Moita do Boi 0
    Emanuel (Prancha, 26 min.), Ivo Mota, André Sintra (cap.), Zé Pedro, Sancho, Fábio Ferreira, Pato (Gonçalo Braz, 75 min.), André Magalhães, Micael, Dani (Calixto, 45 min.) e Jó.

    Não jogaram: Caizeres, Rafael, Zézito e Fred
    Treinador: João Pereira.
    .
    Ao intervalo:3-0.

    Golos: Bruno Francisco (26 e 45 min.) e Motinha (37 min.)
    Acção Disciplinar: Cartão amarelo a Motinha (21 min.), Marinho (24 min.), Edilson (42 min.), Abel (53 min.), André Sintra (15 min.), Micael (32 min.) e André Magalhães (57 min.).
    Cartão vermelho a Prancha (60 min.).
    .
    Depois de uma série de três jogos sem vencer, era necessária uma entrada forte na partida, perante um adversário cujos resultados demonstravam capacidade de criar problemas em qualquer campo. E foi exactamente isso que aconteceu. O Peniche entrou muito bem no jogo.
    A equipa da casa praticava um futebol muito agradável e com algumas situações de perigo, mas Emanuel revelou-se sempre um obstáculo difícil de transpor até que, à passagem do minuto 26, Bruno Francisco aparece rapidíssimo pela direita e à saída de Emanuel consegue introduzir a bola no fundo da baliza adversária. Estava feito o primeiro golo da partida, num lance em que o guarda-redes da Moita do Boi acaba por se lesionar, depois de um choque fortuito com o avançado penichense.
    Depois do golo inaugural, a equipa da casa não baixou os níveis de intensidade e continuou na procura do segundo golo, que acabou por conseguir após uma excelente jogada individual de Bruno Francisco, que ultrapassou o seu marcador directo e cruzou com conta, peso e medida para Motinha que finaliza de forma exemplar.
    Os vistantes acusavam um pouco os golos e tinham dificuldade em travar as investidas do penichense, culminando esta fase com o terceiro golo, após uma excelente combinação entre Motinha e Tiago Ferreira, em que o último faz um passe magistral para a desmarcação de Bruno Francisco que surge mais uma vez bastante rápido e atira forte e colocado para a baliza de Prancha que nada podia fazer.
    A segunda parte começou a um ritmo mais baixo. O jogo passava agora por uma fase menos bonita até que, num rápido contra ataque, Fábio Mateus isola Bruno Francisco sendo este travado em falta pelo guarda-redes adversário, quando já não tinha ninguém pela frente, não restando a Bruno Santos outra alternativa se não a amostragem do cartão vermelho a Prancha.
    Com um jogador a mais e com um elemento de campo na baliza, esperava-se que o Peniche aumentasse a vantagem, mas tal não aconteceu. Até ao fim o Peniche dispôs de mais duas oportunidades para marcar, mas a Moita conseguia equilibrar a partida e podia ter chegado ao tento de honra quando, após uma desatenção da defesa da equipa da casa, Zé Pedro remata para uma defesa de elevado grau de dificuldade de Sérgio Nobre, que revelou grande segurança na abordagem ao lance. Vitória justa do Peniche, num jogo em que os primeiros 45 minutos deitaram por terra qualquer esperança que a Moita do Boi tinha em pontuar no terreno da equipa da casa. Boa arbitragem de Bruno Santos que decidiu sempre bem nos lances mais polémicos da partida, tendo sido bem auxiliado.

    ResponderEliminar
  2. Moita do Boi 0
    Emanuel, Ivo Mota (Dani, 67 min), Fábio Ferreira, Micael e André Magalhães; Calixto, André Sintra e Sandro, Pato (Fred, 81 min), Jó e Zé Pedro.

    Não jogaram: Dinis, Zézito, Gonçalo Brás e Formiga.
    Treinador: João Pereira.
    .
    Beneditense 2
    Diogo Soares; Tiago Garcia, Tiago Gonçalves, Fanha e André Perdiz; Batuto, Twix, Tonicha e André Justino (Ruben, 84 min); Miguel serrazina (Lucas Guedes, 86 min) e Ivanilson (Lucas Grilo (79 min). Não jogaram: Jaime, Tiago Santos, Miguel Peralta e Salvaterra.
    Treinador: Dário Catarino.
    .
    Ao intervalo: 0-1.
    Golos: Miguel Serrazina (8 e 51 min).
    .
    Em jogo da Divisão de Honra, o Beneditense derrotou a Moita do Boi por 2-0. A equipa de Dário Catarino está a subir na tabela, enquanto a Moita do Boi averbou a segunda derrota consecutiva na competição.
    O jogo foi bastante equilibrado, sem muitas oportunidades de perigo para cada uma das balizas. O Beneditense montou uma estratégia de contenção, assentando o seu jogo na boa organização defensiva e rápidos contra-ataques, estratégia que resultou na perfeição.
    A Moita do Boi teve mais posse de bola, mas raramente conseguiu 'furar' o sistema defensivo da equipa visitante.
    O primeiro golo da partida nasce de um erro defensivo da Moita do Boi e, mais rápido que os defesas contrários, apareceu Miguel Serrazina a facturar. O golo deu maior tranquilidade à formação visitante e teve o efeito contrário na equipa local.
    Ao intervalo o resultado premiava a equipa mais eficaz e com melhor organização.
    Na segunda parte, a toada de jogo não se alterou com a Moita do Boi a não conseguir gizar jogadas de verdadeiro perigo para a baliza de Diogo Soares. Para piorar as coisas, o Beneditense chegou ao 2-0, após um contra-ataque rápido e com finalização de Miguel Serrazina, que bisou na partida.
    A perder por 2-0 a Moita do Boi não teve arte nem engenho para dar a volta aos acontecimentos. O Beneditense demonstrou ao longo de todo o encontro uma organização exemplar e isso foi decisivo para a vitória na partida.
    Boa arbitragem de Paulo Ferraz e seus pares. Na próxima jornada, a Moita do Boi recebe a Pelariga num dérbi concelhio, enquanto o Beneditense recebe o Guiense.

    ResponderEliminar

  3. Batis Candé e Antoninho Silva conhecem as elites do futebol como ninguém. Representaram os grandes do futebol nacional e Batis Candé chegou a ter duas experiências em Inglaterra. Esta época vestem a camisola da Moita do Boi, na divisão de honra distrital.
    A vinda dos dois atletas para o clube de Pombal aconteceu através de um contacto do empresário Cátio Baldé – famoso pela “novela de verão” que envolveu o jogador Bruma com o Sporting – com o treinador João Pereira. Primeiro veio Antoninho Silva, agora chegou a vez de Batis Candé.
    “Acolhemos os jogadores de boa vontade. Dissemos logo que não tivessem grandes aspirações e que a Moita do Boi só lhes podia arranjar alojamento e alimentação. Somos talvez o clube com menos capacidade financeira”, conta o presidente Carlos Gomes, da ADRC Moita do Boi.
    Os atletas, que estavam sem clube, encontraram na Moita do Boi uma oportunidade de manter a forma física e ganhar ritmo de jogo. “Vão jogar até ao final da época no clube, para não estarem parados. Pelo percurso que têm, são jogadores acima da média, não é um jogador normal que joga no Benfica, no Sporting ou em Manchester”, diz, satisfeito por ter os jovens no plantel.
    .
    Quem é quem


    Batis Candé
    Batis Candé: Avançado, tem 18 anos e reforçou o clube de Pombal no mercado de inverno. Jogou na União Bissau, Sporting, Manchester City, Benfica e esteve à experiência no Charlton Athletic. Uma lesão afastou-o do campeonato inglês e encontrou na Moita do Boi a oportunidade para não parar de jogar.


    Antoninho Silva
    Antoninho Silva: Este é o primeiro ano do médio enquanto jogador sénior. Fez a formação no Sporting, foi emprestado à União de Leiria (2011/2012) e passou no Sp. Braga. tem 19 anos e mudou-se esta época para a Moita do Boi

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...